12 de Junho de2024


Área Restrita

POLÍCIA Segunda-feira, 16 de Novembro de 2020, 14:27 - A | A

Segunda-feira, 16 de Novembro de 2020, 14h:27 - A | A

ELEIÇÕES 2020

PM divulga balanço das eleições municipais no estado de Mato Grosso

17 ocorrências foram registradas nos municípios do 11º Comando Regional

Wellington Camuci

Quebra de sigilo de voto, boca de urna e divulgação de campanha ilegal. Estas foram as ocorrências registradas nas eleições municipais em Primavera do Leste, Campo Verde e Paranatinga, municípios que integram o 11º Comando Regional da Polícia Militar (PM) de Primavera do Leste. Ao todo, foram registradas 17 ocorrências e 12 pessoas foram conduzidas por crimes eleitorais.

 

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

Em todo o estado de Mato Grosso foram registradas 127 ocorrências, 105 foram referentes à boca de urna. As demais foram por tumultuar local de votação; compra de votos; promover a concentração de eleitores, inclusive com fornecimento gratuito de alimento e transporte coletivo; fake news; violar sigilo de voto; transporte de eleitor; recusar ou abandonar o serviço eleitoral sem justa causa e injúria eleitoral.

As forças de segurança do estado estiveram presentes nos 141 municípios de Mato Grosso. Para realizar Operação Segurança nas Eleições 2020, a Sesp-MT empregou um efetivo de 4.523 profissionais e 1.337 viaturas.

De acordo com a comandante do 11º CR tenente coronel Regina, as eleições foram tranquilas nas cidades que compões o CR. “Tivemos um dia de eleição bastante tranquilo, e finalizamos o dia com 17 ocorrências registradas na área do comando regional. Tivemos registro em Primavera do Leste, Campo Verde e Paranatinga por boca de urna, de ocorrência por divulgação de propaganda”.

Em Primavera do Leste, foram registradas oito ocorrências, seis delas eram de boca de urna e uma de divulgação de propaganda eleitoral. Entre os conduzidos, cinco eram eleitores que realizam boca de urna em frente as escolas e dois eram candidatos a vereador.

Os crimes foram cometidos em cinco locais diferentes de Primavera. Na escola João Ribeiro Vilela, no Parque Eldorado, um eleitor foi detido após denúncia de boca de urna. O suspeito estava abordando eleitores oferecendo café. Com ele foi encontrado vários santinhos. Na mesma escola um candidato também foi denunciado por boca de urna. Ele foi detido com vários santinhos que estava entregando a eleitores.

No bairro São Cristóvão, um carro com propaganda de um candidato a vereador e de senador estava estacionado em frente a escola municipal Sonho de Criança.

Já na escola Maria Sebastiana, no bairro Primavera III, uma candidata foi conduzida à delegacia acusada de boca de urna. Ela foi denunciada via 190 por um eleitor que disse que ela estava abordando eleitores, entregando santinho.

Ainda nesta unidade escolar, a guarnição da PM encontrou um veículo com propaganda eleitoral estacionado próximo a escola em área delimitada. O proprietário do veículo é filho de um candidato e disse que havia acabado de votar e que o veículo não estava funcionando e que estava sem combustível.

De acordo com o Boletim de Ocorrências (BO), o motorista foi informado que seria conduzido à delegacia para esclarecimentos e, neste momento, o veículo funcionou e durante todo o trajeto até a delegacia não apresentou problemas de falta de combustível, sendo entregue na delegacia juntamente com o suspeito de crime eleitoral.

Outros dois eleitores foram detidos por boca de urna na escola Novo Horizonte. Os suspeitos foram denunciados por estarem abordando eleitores e entregando santinhos de candidatos.

Em Campo Verde foram três ocorrências registradas, dois eleitores e um candidato foram conduzidos à delegacia pelo crime de boca de urna. Uma eleitora foi flagrada agitando uma bandeira de candidato e buzinando em frente a escola Jupiara onde estava ocorrendo eleição.

Já na escola Artemis Pires, um candidato foi preso realizando boca de urna. Ele foi denunciado por um eleitor que foi abordado pelo suspeito induzindo a votar em um candidato ao Senado Federal. De acordo com a testemunha, o referido candidato o abordou e perguntou sobre quem iria votar e entregou santinhos dele mesmo e de senador. A PM encontrou santinhos com ele e o conduziu à delegacia.

Outros dois eleitores e um candidato foram conduzidos à delegacia em Paranatinga. Um dos eleitores foi detido foi detido fazendo boca de urna e o outro por violação do sigilo do voto. A mesária da seção eleitoral da escola Apolônio Bouret de Melo acionou a PM após o eleitor fazer uma selfie no momento do voto. O celular do suspeito foi apreendido e ele foi conduzido à delegacia.

Um candidato foi denunciado realizando boca de urna na mesma escola. De acordo com a denúncia anônima, o suspeito estava abordando eleitores e distribuindo santinhos e canetas. Ele foi abordado pela PM e com ele foi encontrado os materiais utilizados. Ele foi conduzido à delegacia em flagrante por crime eleitoral.

Ainda foram registradas duas ocorrências por divulgação de propaganda eleitoral no dia das eleições. E um dos casos, uma candidata denunciou outro candidato pela prática de boca de urna virtual. Ele estava repassando seu pedido de voto e sua propaganda eleitoral em grupos de redes sociais. Se configurado tal fato pode ser caracterizada uma quebra da Isonomia na disputa aos cargos do poder legislativo municipal.

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]