12 de Junho de2024


Área Restrita

POLÍCIA Sexta-feira, 11 de Setembro de 2015, 11:19 - A | A

Sexta-feira, 11 de Setembro de 2015, 11h:19 - A | A

HOMICÍDIO

Homem de 61 anos é assassinado em chácara de Campo Verde

A polícia suspeita de que tenha acontecido um latrocínio no local

Ari Miranda

Homens da Polícia Militar de Campo Verde foram solicitados na manhã desta sexta (11) para atender uma ocorrência em uma Chácara, ao lado da ponte do Rio das Mortes, no KM 10 da Rodovia MT-140. Ao chegarem no local, os policiais encontraram o corpo de Geraldo Magela Rezende, de 61anos. Um grande número de populares também estava no local. Segundo familiares, antes de morrer a vítima havia sido assaltada. Este foi o 5º assalto que Rezende havia sofrido.

Geraldo, horticultor conhecido no município como "Papai Noel" pela suas longas barbas, foi encontrado morto pelo irmão, Sebastião Raimundo de Rezende (61). Em entrevista, Sebastião relatou que o irmão tinha por hábito ir todas as manhãs em seu sítio, que na manhã desta sexta não foi à sua casa, que fica em um sítio vizinho. Sebastião então resolver ir até o sítio de Geraldo e, chegando lá, encontrou algumas roupas de cama espalhadas pelo quintal, a casa revirada e o irmão morto de bruços no quarto. A princípio, o irmão de Geraldo deu falta de um veículo Fiorino que a vítima usava para entregar verduras na cidade de Campo Verde.

Segundo informações preliminares dos policiais que atenderam a ocorrência, trata-se de um crime de Latrocínio, mas não souberam precisar como o horticultor foi morto, mas tudo indica que foi assassinado com uma marretada no rosto, pois estava com marcas. Vale ressaltar que uma marreta se encontrava jogada no quintal, nos fundos da residência. De acordo com amigos e familiares, essa marreta ficava sempre guardada. 

O local permanecerá isolado. A princípio, a polícia não tem nenhum suspeito.

 

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

A  Politec de Primavera do Leste se deslocou para Campo Verde para que seja feita a perícia no local e posteriormente do corpo.

Geraldo Magela era muito querido no município de Campo Verde. Natural de Goianésia - Goiás, o sitiante morava no local do crime desde o ano de 1994.

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]