23 de Julho de2024


Área Restrita

NOTÍCIAS DE CAMPO VERDE Terça-feira, 29 de Novembro de 2016, 16:22 - A | A

Terça-feira, 29 de Novembro de 2016, 16h:22 - A | A

DENUNCIAS

Taxas elevadas e esgoto a céu aberto

São várias as reclamações em torno do abastecimento de água no município.

Paulo Pietro
Campo Verde

Várias denuncias por parte de usuários da empresa Águas de Campo Verde, concessionada para o tratamento e distribuição da água usada pela população de Campo Verde vem acontecendo nas últimas semanas.

 

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

Entre as principais reclamações está o aumento repentino das tarifas cobradas pela empresa, justamente após a troca dos hidrômetros (medidor de água), os usuários que realizaram a denuncia disseram que mesmo após reclamarem da taxa, considerada abusiva, nada foi feito para que a situação fosse resolvida.

 

Uma das usuárias do serviço, a senhora Tatiane Cristina Ferri Pedroso moradora do Centro, disse que a taxa de consumo de sua residência dobrou de valor, após a troca do hidrômetro, ela procurou a empresa para tentar resolver o problema, mas não conseguiu. Então ela foi até o Fórum, onde foi informada que todos que se sentem prejudicados podem procurar o Centro de Conciliação para registrar a reclamação e agendar uma sessão de conciliação com a empresa Águas de Campo Verde.

 

Os usuários devem levar pelo menos umas 4 ou 5 contas anteriores onde consta o valor que pagavam antes, e as contas posteriores à troca do hidrômetro, com valor elevado, bem como os documentos pessoais do titular ou do representante. É importante que todos que estão tendo esse problema procurem o Centro, pois assim a chance de resolver o problema se torna maior.    

 

O marido de Tatiane ainda gravou um vídeo, ligando a torneira e claramente se ouve os barulhos e o medidor girando com o ar, que pode ser acompanhado no Cliquef5. Outra situação que chama atenção segundo os denunciantes é que para realizar a vistoria técnica nas casas para averiguar a situação, a empresa cobra uma taxa de serviço, essa taxa se constatada o problema pode ser devolvida.

 

Outra situação apontada por vários usuários é a cobrança da taxa de esgoto, em residências que ainda não utilizam o serviço da rede, a empresa cobra dos usuários, mesmo quando eles ainda não utilizam o serviço pelo simples fato de a rede estar à disposição no local.    

 

 

Os usuários procuraram até o Ministério Publico e se houver um número grande de pessoas que reclamam do serviço, até um mesmo um inquérito pode ser instaurado. 

 

Procuramos a empresa que através de sua assessoria de imprensa responderam em nota:

 

A Águas de Campo Verde reforça a todos os usuários que tiverem dúvidas sobre o valor das faturas devem procurar a concessionária para mais esclarecimentos. A empresa ressalta que está à disposição de toda a população e, sempre que necessário, disponibiliza vistorias domiciliares para ajudar os moradores a detectar vazamentos, que podem onerar a fatura, assim como orientar sobre hábitos de consumo consciente da água. 

 

 

No município, a recente modernização do parque de hidrômetros, substituindo equipamentos que, com o tempo de uso perdem a capacidade de medição, tem demonstrado o real consumo das residências e causado dúvidas. Por isso, a concessionária se empenha em campanhas educativas e na orientação da população.

 

 

Quanto a questionamentos sobre o funcionamento dos hidrômetros, a concessionária ressalta que os aparelhos possuem o lacre do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que certifica a qualidade do medidor. Usuários que apresentarem dúvidas também devem buscar a concessionária para orientações.

 

 

Para mais informações e esclarecimentos, a Águas de Campo Verde se prontifica para atender os moradores na Central de Atendimento e no telefone 3419-3397.

 

Esgoto a céu aberto

 

Outra situação envolvendo a empresa está gerando muita polêmica, um leitor do CliqueF5, denunciou que um esgoto a céu aberto estaria contaminando o solo e os córregos que passam atrás do São Miguel, na região onde está localizada uma das estações de tratamento da empresa Águas de Campo Verde.

 

 

Nossa equipe de reportagem foi até o local onde foi recebido pelo Sr. Magno Ronin, morador do Bairro e que pratica trilha de motocicleta na região, ele nos contou sobre o fato da estação de tratamento estar jogando na mata vários resíduos que pelo cheiro e aparência, poderia se tratar de esgoto.  Ele nos levou até o referido local e podemos constatam a veracidade dos fatos, uma corrente de água relevante, com cheiro forte vindo diretamente de um cano da estação de tratamento da empresa, está despejando toda essa água suja na região. 

 

 

O morador ainda afirmou que devido a essa quantidade água despejada no local, algumas erosões se formaram, gerando uma espécie de cachoeira do resíduo. Mais abaixo da localidade aonde filmamos, existe um córrego, no qual possivelmente essa água contaminada deve estar chegando.

 

 

Ou seja, o esgoto que está sendo cobrado dos usuários pode não ter a destinação correta nos tratamento de resíduos.   

 

 

Entramos em contato com a empresa também sobre esta situação, eles responderam que :

 

A Águas de Campo Verde informa que no bairro São Miguel, ocorreu uma obstrução no sistema de esgotamento sanitário, ocasionada pelo lançamento indevido de materiais sólidos e água das chuvas na rede de esgoto. A concessionária reforça que todas as providências estão sendo tomadas para realizar a limpeza no local e sanar o problema.

 

Atuando sempre em parceria com a comunidade, a Águas de Campo Verde fica à disposição para esclarecer demais dúvidas na Central de Atendimento e pelo telefone 3419 3397.                    

 

Paulo Pietro

Esgoto em CV

 

Paulo Pietro

Esgoto em CV

 

 

VÍDEO

Comente esta notícia

Magno 01/12/2016

Colocaram o cano lá destruíram tudo lá água correu pra nascente do São Lourenço onde vários assentamentos utilizam da água para manter as hortaliças depois nos comemos e ficamos cancerígenos fora aquelas erosões a mata destruída tinha que devolver essa água pro municipio

positivo
0
negativo
0

Juliano 30/11/2016

Taxas são abusivos muito alto imposto, minha casa drobadisse o valor da água, sou contra por a gente trabalha pra sobreviver , na só pra pagar imposto, ainda tão poluindo o meio ambiente ,essa não é Polica é máfia. ..

positivo
0
negativo
0

Juliano 30/11/2016

Taxas são abusivos muito alto imposto, minha casa drobadisse o valor da água, sou contra por a gente trabalha pra sobreviver , na só pra pagar imposto, ainda tão poluindo o meio ambiente ,essa não é Polica é máfia. ..

positivo
1
negativo
0

3 comentários

1 de 1

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]