15 de Junho de2024


Área Restrita

NOTÍCIAS DE CAMPO VERDE Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018, 10:31 - A | A

Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018, 10h:31 - A | A

Saúde

Setembro também é o mês de luta contra o câncer colorretal

Cirurgião do aparelho digestivo de Campo Verde, fala sobre o problema e alerta a população.

Paulo Pietro
Campo Verde

As campanhas voltadas para a prevenção à saúde são lembradas cada vez mais em alguns meses específicos, o Setembro Amarelo foi muito lembrado durante este mês, pela campanha de prevenção ao suicídio, mas esse mês é multicolorido, também é Verde, em menção aos casos de câncer de cólon.

 

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

Estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca) preveem para este ano 17.620 novos casos de câncer de cólon e reto em mulheres e 16.660 em homens. O câncer cólon é o segundo mais frequente nas mulheres (após mama) e o terceiro nos homens (após próstata e pulmão). 

 

O médico Aleixo Silva Neto, que é cirurgião do aparelho digestivo, endoscopia digestiva e atua em Campo Verde, explicou que neste mês “é muito importante também lembrar do câncer cólon, que é um câncer prevenível, seu rastreio começa normalmente a partir dos 50 anos, mas já existem estudos querendo antecipar esse idade, no caso de pessoas que tem casos de parente de primeiro e segundo grau, com câncer de intestino, ver qual a idade a doença se manifestou e começar o tratamento pelo menos 10 anos antes, esse também é o caso das pessoas que tem histórico de doenças intestinais inflamatórias na família, que tem que realizar um cuidado antecipado e mais frequente.”

 

O médico lembrou que muitas pessoas ainda na fase jovem começam a ter episódios frequentes de diarreia, essas pessoas provavelmente podem ter quadros inflamatórios no intestino, que mais a frente pode contribuir para o surgimento de um câncer.

 

Segundo a descrição do médico, geralmente o câncer de intestino é precedido de um pólipo, (pequena verruga na mucosa do intestino). Este pólipo leva alguns anos para se desenvolver, assim, é possível diagnosticá-lo antes que se torne maligno.

 

O melhor método de se detectar esses pólipos é o exame de colonoscopia, que consiste na introdução de um tubo flexível acoplado a uma câmera para visualizar o intestino por dentro. A colonoscopia permite retirar pólipos que sejam eventualmente encontrados, pois os tumores malignos se originam a partir desses pólipos.

 

Quando o exame é realizado e nada é encontrado, o paciente passa a realizado em um intervalo maior de tempo, caso alguns pólipos foram retirados, os pacientes tem que realizar exames com prazo de um em um ano, até que não sejam mais encontrados pólipos.

 

Aleixo ressaltou que câncer colorretal está relacionado a hábitos de vida não saudáveis, como consumo elevado de carnes vermelhas e processadas e pouca ingestão de frutas, legumes e verduras. Além disso, são fatores de risco obesidade, sedentarismo, consumo excessivo de bebidas alcoólicas e tabagismo.

 

Em geral, a doença pode ser prevenida com hábitos como: ingestão de fibras, frutas , verduras e carnes brancas, prática regular de exercícios físicos e evitando-se o tabagismo e a ingestão exagerada de álcool. 

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]