21 de Julho de2024


Área Restrita

NOTÍCIAS DE CAMPO VERDE Terça-feira, 26 de Abril de 2022, 06:30 - A | A

Terça-feira, 26 de Abril de 2022, 06h:30 - A | A

LOOK CITY

BBB Campo Verde sai do papel e promete revolucionar segurança pública

O objetivo é integrar redes privadas de monitoramento a rede pública, de maneira simultânea

Da Redação

Campo Verde pode se tornar a cidade mais vigiada do estado de Mato Grosso até o final do ano, caso o Projeto de Lei denominado Lock City, que foi aprovado por unanimidade na sessão da Câmara de Vereadores do dia 18 de abril, seja colocado em prática como previsto.

O PL tem o objetivo de integrar redes privadas de monitoramento a rede pública, de maneira simultânea, tanto o morador dono da rede, quanto os funcionários do monitoramento municipal podem dar alerta ao sistema se virem algo de errado e acionarem a polícia de maneira rápida para evitar crimes, além de registrar os delitos criminosos facilitando a identificação de suspeitos posteriormente.

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

A situação atual já é bem interessante em relação ao monitoramento, na cidade existem muitas câmeras tanto do município quanto às OCR- Optical Character Recognition (Reconhecimento Óptico de Caracteres), interligadas ao CIOSP. Em entrevista concedida a TV Real, a Secretária de Apoio a Segurança Pública, Viviane Bernardino comentou que hoje na cidade existem mais de 40 câmeras de segurança em funcionamento. “Elas funcionam em três vertentes, a primeira são as câmeras do município que estão espalhadas nos postes, placas de sinalização e visam manter a segurança das principais vias da cidade. A segunda vertente é a muralha digital composta pelas câmeras OCR nas entradas e saídas da cidade, colocadas estrategicamente para retratar tudo que entra e sai pelas rodovias da cidade. Já a terceira é o monitoramento colaborativo, que foi aprovado na sessão do dia 18”.

Esse monitoramento colaborativo consiste em uma parecia com o Conselho Municipal de Segurança Pública (CONSEG) de Campo Verde, que por consequência tem a parceria com uma empresa de monitoramento da cidade, que instala câmeras de boa qualidade nas vias públicas de zonas residenciais e comerciais, que são disponibilizadas tanto para os moradores que financiam os trabalhos como para o poder público, ambos podem acessar a opção de pânico, que ao perceber situações suspeitas aciona a polícia.

Com mais essa opção, a expectativa da pasta é de que até o final do ano tenham mais de 500 câmeras funcionando neste sistema colaborativo, ampliando infinitamente o trabalho de monitoramento do município.

O vereador Valerindo Sampaio (Sargento Sampaio do PSL), que fez a indicação do PL, comentou na reportagem que um sistema parecido já é utilizado no Bairro Santa Rosa em Cuiabá e desde que foi implantado reduziu em 80% a criminalidade.  

Neste início, somente uma empresa se credenciou para prestar o serviço, mas outras também podem fazer parte do programa se atender as exigências. Para saber mais sobre o funcionamento, os interessados podem entrar em contato com a Secretaria de Apoio a Segurança Pública, ou mesmo com algum representante do CONSEG.

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]