21 de Julho de2024


Área Restrita

NOTÍCIAS DE CAMPO VERDE Quinta-feira, 20 de Outubro de 2016, 17:24 - A | A

Quinta-feira, 20 de Outubro de 2016, 17h:24 - A | A

MOVIMENTO

Projeto de Lei para baixar o salário dos vereadores foi protocolado

Movimento calcula que já conseguiu de 3 a 4 mil assinaturas.

Paulo Pietro
Campo Verde

Líderes do Movimento Juntos por Campo Verde, juntamente ao vereador Paulo Cezar Aguiar, protocolaram na manhã desta quinta-feira (20), o Projeto de Lei que visa baixar o salário dos vereadores de Campo Verde. O Projeto de Lei segundo os líderes é iniciativa popular mas precisou de um vereador para assinar e protocolar esse projeto, quem se habilitou a assinar o projeto foi o vereador Paulo Cezar Aguiar , popularmente conhecido como PC.

Segundo Doralice Pereira uma das coordenadoras do movimento “nós calculamos que colhemos de 3 a 4 mil assinaturas para o abaixo assinado. O Projeto foi elabora por uma comissão, o que seria viável e o que não seria viável, cada um colocou sua opinião e avaliamos um meio de criar esse projeto, agora cabe ao presidente da câmara dizer se é constitucional ou se é inconstitucional. Essa questão ele vai responder para a população não para mim, mas nós pretendemos continuar esse movimento, aliás, estamos criando uma comissão permanente de pessoas não filiadas a partidos políticos, para fiscalizar não somente as atividades do legislativo como do executivo também. Na próxima sessão o pessoal do movimento vai estar presente e ai vamos ver o que o presidente vai decidir, o que vai explicar para a população.”

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

Desde o inicio do mês passado o Movimento Juntos por Campo Verde vem promovendo debates sobre a questão política do município, o principal alvo dos manifestantes sempre foi o subsidio dos vereadores, considerado injusto pelas pessoas do movimento.

A discussão começou a tomar corpo quando um vídeo de um trecho do discurso do presidente da casa vereador Welson Silva correu as redes sociais, neste vídeo que segundo os vereadores foi editado, se sugere que poderia haver um aumento no salário. O fato é que nunca houve na casa nenhum Projeto de Lei neste sentido, o Diário procurou vários vereadores para falar sobre o assunto e todos foram unanimes em responder que nunca foi cogitada essa possibilidade.

 

O setor jurídico da Câmara de Vereadores disse que o projeto será analisado pelo Presidente da Casa, que pode ou não acatar o Projeto de acordo com um parecer técnico, não político, mas esse processo não tem data definida para acontecer. Se o Projeto for constitucional ele será levados as comissões da casa e posteriormente não tendo nenhum impedimento será votado pelos vereadores atuais.      

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]