25 de Julho de2024


Área Restrita

NOTÍCIAS DE CAMPO VERDE Quinta-feira, 11 de Agosto de 2016, 18:56 - A | A

Quinta-feira, 11 de Agosto de 2016, 18h:56 - A | A

COMÉRCIO

Empresários acreditam que vendas para o Dia dos Pais deve aumentar

Comerciantes divergem quanto aumento, mas creem que o mercado está reagindo

Paulo Pietro

Os comerciantes estão esperançosos com as vendas para o Dia dos Pais que se aproxima. Esta é considerada por alguns comerciantes uma das principais datas para faturar e mesmo em um período de crise, ninguém quer deixar esse dia passar em branco. O Dia dos Pais foi institucionalizado para ser uma data comercial e social. No início ela era comemorada todos os dias 16 de agosto, mas depois por questão de calendário começou a ser comemorada no segundo domingo do mês.

O Diário entrevistou alguns comércios da cidade, a opinião quanto à data diverge um pouco, mas é consenso que o mercado está reagindo.  A gerente da Boticário Gracieli Gonçalves é a mais otimista, “sentimos a diferença desde o início do mês as pessoas estão procurando, a expectativa é alta para os próximos dias, aqui na Boticário nós temos muitos kits bonitos, com preços variados, desde os mais em conta até os mais sofisticados.”

✅ Clique aqui para seguir o canal do CliqueF5 no WhatsApp

Ela falou que os homens estão mais vaidosos. “Muitas vezes, nós temos medo de oferecer produtos diferenciados para o corpo masculino, mas temos que quebrar esse mito, pois os homens estão se cuidando mais, estão hidratando a pele, cuidando do cabelo, da barba são muito vaidosos.”

Gracieli frisou que as expectativas estão sendo correspondidas. “Nosso crescimento em relação ao ano passado é maior, em Campo Verde o comércio está respondendo positivamente acompanhamos também os outros comerciantes e estamos sentindo um aumento considerável nas vendas. Essa questão de crise temos que parar e rever. Na hora de presentear, demonstrar carinho, as pessoas não pensam na crise. O Dia das Mães foi muito bom, mas esperamos um pouco mais,” revelou Gracieli.

Para Moacir Bianchet, da Ótica e Relojoaria Bianchet, o Dia dos Pais não difere muito de outros finais de semana comuns. “Minha loja geralmente não tem uma procura grande. Devido ao Dia dos Pais, no Dia das Mães e Natal vendemos bem, acho que os Pais não estão com muito prestígio”, brincou o empresário.

Ele revelou que mesmo se houver aumento será percebido nos últimos dias, pois as pessoas tendem a deixar tudo para última hora.

Já para comerciante Franciele Zanatta, da Pantanal Country, o Dia dos Pais é uma data muito esperada, apesar de ter percebido aumento nas vendas de presentes acredita que o maior movimento virá. “O brasileiro deixa sempre para última hora, então sexta e sábado estamos esperando um agito maior no comércio. Desde o começo do mês estamos com a promoção de 30% de desconto até o Dia dos Pais, nossa loja está nesse clima para que ninguém fique sem ganhar presente.”

Na Pantanal os filhos e esposas podem encontrar uma variedade de produtos que vão satisfazer seus pais. “Nós somos uma loja que tem produtos country, mas muitas pessoas que não são adeptas ao estilo também encontram roupas e calçados que agradam quem gosta de uma roupa mais tradicional, mais elegante ou básica, temos vários modelos, tamanhos e preços”, explicou Franciele.

 

Percebemos que em geral os comerciantes estão otimistas com as vendas e os consumidores aos poucos estão se adaptando ao novo momento comercial aprendo a controlar os gastos.

VÍDEO

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]